aboutsummaryrefslogtreecommitdiff
diff options
context:
space:
mode:
authorEdson Brandi <ebrandi@FreeBSD.org>2018-09-09 12:48:32 +0000
committerEdson Brandi <ebrandi@FreeBSD.org>2018-09-09 12:48:32 +0000
commit02bdf1876c6403a5e43ababc2d9fe92c3f8dc465 (patch)
treea8211e77cf8f76d25222f08bbee20477d9fd6486
parent606050173624cc3e3c40cdc92ba77b838033e356 (diff)
downloaddoc-02bdf1876c6403a5e43ababc2d9fe92c3f8dc465.tar.gz
doc-02bdf1876c6403a5e43ababc2d9fe92c3f8dc465.zip
pt_BR.ISO8859-1/articles/solid-state: New pt_BR translation into .po format
* content synchronized with en_US document (rev 44923) * article.xml converted to .po * .po file was translated to pt_BR * .po and .xml file has been set to UTF-8 encoding * information about volunteers who translated and/or revised the document was added to the header of the .po file Approved by: gabor (mentor, implicit) Obtained from: The FreeBSD Brazilian Portuguese Documentation Project
Notes
Notes: svn path=/head/; revision=52241
-rw-r--r--pt_BR.ISO8859-1/articles/Makefile1
-rw-r--r--pt_BR.ISO8859-1/articles/solid-state/Makefile24
-rw-r--r--pt_BR.ISO8859-1/articles/solid-state/article.xml262
-rw-r--r--pt_BR.ISO8859-1/articles/solid-state/pt_BR.po1030
4 files changed, 1317 insertions, 0 deletions
diff --git a/pt_BR.ISO8859-1/articles/Makefile b/pt_BR.ISO8859-1/articles/Makefile
index 30db837024..9e84735059 100644
--- a/pt_BR.ISO8859-1/articles/Makefile
+++ b/pt_BR.ISO8859-1/articles/Makefile
@@ -25,6 +25,7 @@ SUBDIR+= port-mentor-guidelines
SUBDIR+= pr-guidelines
SUBDIR+= problem-reports
SUBDIR+= remote-install
+SUBDIR+= solid-state
DOC_PREFIX?= ${.CURDIR}/../..
.include "${DOC_PREFIX}/share/mk/doc.project.mk"
diff --git a/pt_BR.ISO8859-1/articles/solid-state/Makefile b/pt_BR.ISO8859-1/articles/solid-state/Makefile
new file mode 100644
index 0000000000..6fc80c04ff
--- /dev/null
+++ b/pt_BR.ISO8859-1/articles/solid-state/Makefile
@@ -0,0 +1,24 @@
+#
+# The FreeBSD Documentation Project
+# The FreeBSD Brazilian Portuguese Documentation Project
+#
+# $FreeBSD$
+#
+# Article: Solid State Devices
+
+MAINTAINER=ebrandi@FreeBSD.org
+
+DOC?= article
+
+FORMATS?= html html-split
+WITH_ARTICLE_TOC?= YES
+
+INSTALL_COMPRESSED?= gz
+INSTALL_ONLY_COMPRESSED?=
+
+SRCS= article.xml
+
+URL_RELPREFIX?= ../../../..
+DOC_PREFIX?= ${.CURDIR}/../../..
+
+.include "${DOC_PREFIX}/share/mk/doc.project.mk"
diff --git a/pt_BR.ISO8859-1/articles/solid-state/article.xml b/pt_BR.ISO8859-1/articles/solid-state/article.xml
new file mode 100644
index 0000000000..3d190e05da
--- /dev/null
+++ b/pt_BR.ISO8859-1/articles/solid-state/article.xml
@@ -0,0 +1,262 @@
+<?xml version="1.0" encoding="utf-8"?>
+<!DOCTYPE article PUBLIC "-//FreeBSD//DTD DocBook XML V5.0-Based Extension//EN" "http://www.FreeBSD.org/XML/share/xml/freebsd50.dtd">
+<!-- Copyright (c) 2001 The FreeBSD Documentation Project
+
+ Redistribution and use in source (SGML DocBook) and 'compiled' forms
+ (SGML, HTML, PDF, PostScript, RTF and so forth) with or without
+ modification, are permitted provided that the following conditions
+ are met:
+
+ 1. Redistributions of source code (SGML DocBook) must retain the above
+ copyright notice, this list of conditions and the following
+ disclaimer as the first lines of this file unmodified.
+
+ 2. Redistributions in compiled form (transformed to other DTDs,
+ converted to PDF, PostScript, RTF and other formats) must reproduce
+ the above copyright notice, this list of conditions and the
+ following disclaimer in the documentation and/or other materials
+ provided with the distribution.
+
+ THIS DOCUMENTATION IS PROVIDED BY THE FREEBSD DOCUMENTATION PROJECT "AS
+ IS" AND ANY EXPRESS OR IMPLIED WARRANTIES, INCLUDING, BUT NOT LIMITED TO,
+ THE IMPLIED WARRANTIES OF MERCHANTABILITY AND FITNESS FOR A PARTICULAR
+ PURPOSE ARE DISCLAIMED. IN NO EVENT SHALL NIK CLAYTON BE LIABLE FOR ANY
+ DIRECT, INDIRECT, INCIDENTAL, SPECIAL, EXEMPLARY, OR CONSEQUENTIAL
+ DAMAGES (INCLUDING, BUT NOT LIMITED TO, PROCUREMENT OF SUBSTITUTE GOODS
+ OR SERVICES; LOSS OF USE, DATA, OR PROFITS; OR BUSINESS INTERRUPTION)
+ HOWEVER CAUSED AND ON ANY THEORY OF LIABILITY, WHETHER IN CONTRACT,
+ STRICT LIABILITY, OR TORT (INCLUDING NEGLIGENCE OR OTHERWISE) ARISING IN
+ ANY WAY OUT OF THE USE OF THIS DOCUMENTATION, EVEN IF ADVISED OF THE
+ POSSIBILITY OF SUCH DAMAGE.
+
+ $FreeBSD$
+-->
+<article xmlns="http://docbook.org/ns/docbook" xmlns:xlink="http://www.w3.org/1999/xlink" xmlns:its="http://www.w3.org/2005/11/its" version="5.0" xml:lang="pt_BR"> <info>
+ <title>FreeBSD e Dispositivos de Estado Sólido</title>
+
+ <authorgroup>
+ <author><personname> <firstname>John</firstname> <surname>Kozubik</surname> </personname> <affiliation> <address>
+ <email>john@kozubik.com</email>
+ </address> </affiliation></author>
+ </authorgroup>
+
+ <copyright><year>2001</year> <year>2009</year> <holder>Projeto de Documentação do FreeBSD</holder></copyright>
+
+ <legalnotice xml:id="trademarks" role="trademarks">
+ <para>FreeBSD is a registered trademark of the FreeBSD Foundation.</para>
+ <para>Many of the designations used by manufacturers and sellers to distinguish their products are claimed as trademarks. Where those designations appear in this document, and the FreeBSD Project was aware of the trademark claim, the designations have been followed by the <quote>™</quote> or the <quote>®</quote> symbol.</para>
+ </legalnotice>
+
+
+<legalnotice xml:id="legalnotice">
+ <title>Copyright</title>
+
+ <para>Redistribution and use in source (XML DocBook) and 'compiled' forms (XML, HTML, PDF, PostScript, RTF and so forth) with or without modification, are permitted provided that the following conditions are met:</para>
+
+ <orderedlist>
+ <listitem>
+ <para>Redistributions of source code (XML DocBook) must retain the above copyright notice, this list of conditions and the following disclaimer as the first lines of this file unmodified.</para>
+ </listitem>
+
+ <listitem>
+ <para>Redistributions in compiled form (transformed to other DTDs, converted to PDF, PostScript, RTF and other formats) must reproduce the above copyright notice, this list of conditions and the following disclaimer in the documentation and/or other materials provided with the distribution.</para>
+ </listitem>
+ </orderedlist>
+
+ <important>
+ <para>THIS DOCUMENTATION IS PROVIDED BY THE FREEBSD DOCUMENTATION PROJECT "AS IS" AND ANY EXPRESS OR IMPLIED WARRANTIES, INCLUDING, BUT NOT LIMITED TO, THE IMPLIED WARRANTIES OF MERCHANTABILITY AND FITNESS FOR A PARTICULAR PURPOSE ARE DISCLAIMED. IN NO EVENT SHALL THE FREEBSD DOCUMENTATION PROJECT BE LIABLE FOR ANY DIRECT, INDIRECT, INCIDENTAL, SPECIAL, EXEMPLARY, OR CONSEQUENTIAL DAMAGES (INCLUDING, BUT NOT LIMITED TO, PROCUREMENT OF SUBSTITUTE GOODS OR SERVICES; LOSS OF USE, DATA, OR PROFITS; OR BUSINESS INTERRUPTION) HOWEVER CAUSED AND ON ANY THEORY OF LIABILITY, WHETHER IN CONTRACT, STRICT LIABILITY, OR TORT (INCLUDING NEGLIGENCE OR OTHERWISE) ARISING IN ANY WAY OUT OF THE USE OF THIS DOCUMENTATION, EVEN IF ADVISED OF THE POSSIBILITY OF SUCH DAMAGE.</para>
+ </important>
+</legalnotice>
+
+
+ <pubdate>$FreeBSD$</pubdate>
+
+ <releaseinfo>$FreeBSD$</releaseinfo>
+
+ <abstract>
+ <para>Este artigo aborda o uso de dispositivos de disco de estado sólido no FreeBSD para criar sistemas embarcados.</para>
+
+ <para>Os sistemas embarcados têm a vantagem de uma maior estabilidade devido à ausência de partes móveis (discos rígidos). No entanto, é preciso ter em conta que o espaço disponível em disco é geralmente baixo no sistema e a durabilidade do meio de armazenamento.</para>
+
+ <para>Tópicos específicos a serem abordados incluem os tipos e atributos das mídia de estado sólido adequadas para uso como disco no FreeBSD, opções de kernel que são de interesse em tal ambiente, os mecanismos <filename>rc.initdiskless</filename> que automatizam a inicialização de tais sistemas e a necessidade de sistemas de arquivos read-only e a construção de sistemas de arquivos a partir do zero. O artigo será concluído com algumas estratégias gerais para ambientes FreeBSD pequenos e read-only .</para>
+ </abstract>
+ </info>
+
+ <sect1 xml:id="intro">
+ <title>Dispositivos de Disco de Estado Sólido</title>
+
+ <para>O escopo deste artigo será limitado a dispositivos de disco de estado sólido feitos de memória flash. A memória flash é uma memória de estado sólido (sem partes móveis) que é não volátil (a memória mantém os dados mesmo depois de todas as fontes de energia terem sido desconectadas). A memória flash pode suportar um enorme choque físico e é razoavelmente rápida (as soluções de memória flash abordadas neste artigo são um pouco mais lentas que um disco rígido EIDE para operações de gravação e muito mais rápidas para operações de leitura). Um aspecto muito importante da memória flash, cujas ramificações serão discutidas mais adiante neste artigo, é que cada setor tem uma capacidade limitada de reescrita. Você só pode gravar, apagar e gravar novamente em um setor de memória flash um certo número de vezes antes que o setor fique permanentemente inutilizável. Embora muitos produtos de memória flash mapeiam automaticamente os blocos defeituosos, e embora alguns até distribuam operações de gravação uniformemente por toda a unidade, a verdade é que existe um limite para a quantidade de escrita que pode ser feita no dispositivo. Unidades competitivas possuem entre 1.000.000 e 10.000.000 gravações por setor em suas especificações. Este valor varia com à temperatura do ambiente.</para>
+
+ <para>Especificamente, estaremos discutindo unidades compact-flash compatíveis com ATA, as quais são bastante populares como mídia de armazenamento para câmeras digitais. De particular interesse é o fato de que eles são fixados diretamente no barramento IDE e são compatíveis com o conjunto de comandos ATA. Portanto, com um adaptador muito simples e de baixo custo, esses dispositivos podem ser conectados diretamente a um barramento IDE em um computador. Uma vez implementado desta maneira, sistemas operacionais como o FreeBSD vêem o dispositivo como um disco rígido normal (embora pequeno).</para>
+
+ <para>Outras soluções de disco de estado sólido existem, mas seu custo, obscuridade e relativa dificuldade de uso os colocam além do escopo deste artigo.</para>
+ </sect1>
+
+ <sect1 xml:id="kernel">
+ <title>Opções do Kernel</title>
+
+ <para>Algumas opções do kernel são de interesse específico para aqueles que criam sistemas FreeBSD embarcados.</para>
+
+ <para>Todos os sistemas embarcados FreeBSD que usam memória flash como disco para o sistema estarão interessados ​​em usar discos em memória e sistemas de arquivos em memória. Devido ao número limitado de gravações que podem ser feitas na memória flash, o disco e os sistemas de arquivos no disco provavelmente serão montados como read-only. Nesse ambiente, sistemas de arquivos tais como <filename>/tmp</filename> e <filename>/var</filename> são montados como sistemas de arquivos em memória para permitir que o sistema crie logs e atualize contadores e arquivos temporários. Os sistemas de arquivos em memória são um componente crítico para uma implementação bem-sucedida do FreeBSD em dispositivos de estado sólido.</para>
+
+ <para>Você deve ter certeza de que as seguintes linhas existem no seu arquivo de configuração do kernel:</para>
+
+ <programlisting>options MFS # Memory Filesystem
+options MD_ROOT # md device usable as a potential root device
+pseudo-device md # memory disk</programlisting>
+ </sect1>
+
+ <sect1 xml:id="ro-fs">
+ <title>O Subsistema <literal>rc</literal> e os Sistemas de Arquivos Read-Only</title>
+
+ <para>A inicialização pós-boot de um sistema FreeBSD embarcado é controlada por <filename>/etc/rc.initdiskless</filename>.</para>
+
+ <para>O <filename>/etc/rc.d/var</filename> monta o <filename>/var</filename> como um sistema de arquivos em memória, cria uma lista configurável de diretórios em <filename>/var</filename> com o comando <citerefentry><refentrytitle>mkdir</refentrytitle><manvolnum>1</manvolnum></citerefentry> e altera os modos em alguns desses diretórios. Na execução do <filename>/etc/rc.d/var</filename>, uma outra variável <filename>rc.conf</filename> entra em jogo – <literal>varsize</literal>. Uma partição <filename>/var</filename> é criada por <filename> /etc/rc.d/var</filename> baseado no valor desta variável em <filename>rc.conf</filename>:</para>
+
+ <programlisting>varsize=8192</programlisting>
+
+ <para>Lembre-se de que esse valor é informado em setores, por padrão.</para>
+
+ <para>O fato do <filename>/var</filename> ser um sistema de arquivos read-write é uma distinção importante, pois a partição <filename>/</filename> (e quaisquer outras partições que você possa ter em sua mídia flash) deve ser montada como read-only. Lembre-se que em <xref linkend="intro"/> detalhamos as limitações da memória flash - especificamente a capacidade de gravação limitada. A importância de não montar sistemas de arquivos em mídia flash em modo read-write, e a importância de não usar um arquivo de swap, não pode ser exagerado. Um arquivo de swap em um sistema ocupado pode inutilizar uma mídia flash em menos de um ano. Criação de log pesado ou criação e destruição de arquivos temporários podem fazer o mesmo. Portanto, além de remover a entrada <literal>swap</literal> do seu <filename>/etc/fstab</filename>, você também deve alterar o campo Options para cada sistema de arquivos para <literal>ro</literal> como segue:</para>
+
+ <programlisting># Device Mountpoint FStype Options Dump Pass#
+/dev/ad0s1a / ufs ro 1 1</programlisting>
+
+ <para>Alguns aplicativos no sistema começarão a falhar imediatamente como resultado desta alteração. Por exemplo, o cron não será executado corretamente como resultado da falta de crontabs no <filename>/var</filename> criado pelo <filename>/etc/rc.d/var</filename>, o syslog e o dhcp também irão encontrar problemas como resultado do sistema de arquivos estar em modo read-only e dos itens ausentes no <filename>/var</filename> que o <filename>/etc/rc.d/var</filename> criou. Estes são apenas problemas temporários, embora sejam abordados, juntamente com soluções para a execução de outros pacotes de software comuns em <xref linkend="strategies"/>.</para>
+
+ <para>Uma coisa importante para lembrar é que um sistema de arquivos que foi montado como read-only com o <filename>/etc/fstab</filename> pode ser colocado em modo read-write a qualquer momento, executando o comando:</para>
+
+ <screen><prompt>#</prompt> <userinput>/sbin/mount -uw <replaceable>partition</replaceable></userinput></screen>
+
+ <para>e pode ser alternado de volta para somente leitura com o comando:</para>
+
+ <screen><prompt>#</prompt> <userinput>/sbin/mount -ur <replaceable>partition</replaceable></userinput></screen>
+ </sect1>
+
+ <sect1>
+ <title>Construindo um sistema de arquivos a partir do zero</title>
+
+ <para>Como os cartões Compact Flash compatíveis com ATA são vistos pelo FreeBSD como discos rígidos IDE normais, você poderia teoricamente instalar o FreeBSD a partir da rede usando o os disquetes do kern e mfsroot ou de um CD.</para>
+
+ <para>No entanto, mesmo uma pequena instalação do FreeBSD utilizando procedimentos normais de instalação pode produzir um sistema com tamanho maior que 200 megabytes. Como a maioria das pessoas usará dispositivos de memória flash menores (128 megabytes são considerados razoavelmente grandes - 32 ou até mesmo 16 megabytes são comuns), uma instalação usando mecanismos normais não será possível - simplesmente não há espaço em disco suficiente nem para as menores instalações convencionais.</para>
+
+ <para>A maneira mais fácil de superar essa limitação de espaço é instalar o FreeBSD usando meios convencionais em um disco rígido normal. Após a conclusão da instalação, reduza o sistema operacional para um tamanho que caiba na mídia flash e compacte o sistema de arquivos inteiro com o tar. Os passos seguintes irão guiá-lo através do processo de preparação de uma parte da memória flash para o seu sistema de arquivos compactado com o tar. Lembre-se de que não estamos executando uma instalação normal, logo as operações como particionamento, criação dos labels, criação do sistema de arquivos, etc. precisam ser executadas manualmente. Além dos disquetes do kern e mfsroot, você também precisará usar o disquete do fixit.</para>
+
+ <procedure>
+ <step>
+ <title>Particionando seu Dispositivo de Mídia Flash</title>
+
+ <para>Após inicializar com os disquetes do kern e mfsroot, escolha <literal>custom</literal> no menu de instalação. No menu de instalação personalizada, escolha <literal>partition</literal>. No menu de partições, você deve apagar todas as partições existentes usando a tecla <keycap>d</keycap>. Depois de excluir todas as partições existentes, crie uma partição usando a tecla <keycap>c</keycap> e aceite o valor padrão para o tamanho da partição. Quando perguntado sobre o tipo da partição, certifique-se de que o valor esteja configurado para <literal>165</literal>. Agora escreva esta tabela de partições no disco pressionando <keycap>w</keycap> (esta é uma opção oculta nesta tela). Se você estiver usando um cartão compact flash compatível com ATA, deverá escolher o FreeBSD Boot Manager. Agora pressione <keycap>q</keycap> para sair do menu de partições. Você verá novamente o menu do gerenciador de inicialização - repita a escolha feita anteriormente.</para>
+ </step>
+
+ <step>
+ <title>Criando Sistemas de Arquivos em seu Dispositivo de Memória Flash</title>
+
+ <para>Saia do menu de instalação personalizada e, no menu de instalação principal, escolha a opção <literal>fixit</literal>. Depois de entrar no ambiente do fixit, digite o seguinte comando:</para>
+
+ <screen><prompt>#</prompt> <userinput>disklabel -e /dev/ad0c</userinput></screen>
+
+ <para>Neste ponto, você terá entrado no editor vi sob os auspícios do comando disklabel. Em seguida, você precisa adicionar uma linha <literal>a:</literal> no final do arquivo. Esta linha <literal>a:</literal> deve ser semelhante a linha abaixo:</para>
+
+ <programlisting>a: <replaceable>123456</replaceable> 0 4.2BSD 0 0</programlisting>
+
+ <para>Onde <replaceable>123456</replaceable> é um número o qual é exatamente o mesmo que o número existente na entrada <literal>c:</literal> para o tamanho. Basicamente, você está duplicando a linha <literal>c:</literal> existente como uma linha <literal>a:</literal>, certifique-se de que o fstype seja <literal>4.2BSD</literal>. Salve o arquivo e saia.</para>
+
+ <screen><prompt>#</prompt> <userinput>disklabel -B -r /dev/ad0c</userinput>
+<prompt>#</prompt> <userinput>newfs /dev/ad0a</userinput></screen>
+ </step>
+
+ <step>
+ <title>Colocando seu Sistema de Arquivos na Mídia Flash</title>
+
+ <para>Monte a mídia flash recém-preparada:</para>
+
+ <screen><prompt>#</prompt> <userinput>mount /dev/ad0a /flash</userinput></screen>
+
+ <para>Coloque esta máquina na rede para que possamos transferir nosso arquivo tar e extrai-lo em nosso sistema de arquivos de mídia flash. Um exemplo de como fazer isso é:</para>
+
+ <screen><prompt>#</prompt> <userinput>ifconfig xl0 192.168.0.10 netmask 255.255.255.0</userinput>
+<prompt>#</prompt> <userinput>route add default 192.168.0.1</userinput></screen>
+
+ <para>Agora que a máquina está na rede, transfira seu arquivo tar. Você pode se deparar com um pequeno dilema neste ponto - se a sua memória flash tiver por exemplo 128 megabytes, e seu arquivo tar for maior que 64 megabytes, você não poderá ter o seu arquivo tar na mídia flash ao mesmo tempo em que realiza a descompressão - você ficará sem espaço. Uma solução para esse problema, se você estiver usando FTP, é descompactar o arquivo enquanto ele é transferido por FTP. Se você realizar sua transferência desta maneira, você nunca terá o arquivo tar e o conteúdo do tar em seu disco ao mesmo tempo:</para>
+
+ <screen><prompt>ftp&gt;</prompt> <userinput>get tarfile.tar "| tar xvf -"</userinput></screen>
+
+ <para>Se o seu arquivo tar estiver gzipado, você pode fazer isso também:</para>
+
+ <screen><prompt>ftp&gt;</prompt> <userinput>get tarfile.tar "| zcat | tar xvf -"</userinput></screen>
+
+ <para>Depois que o conteúdo do seu sistema de arquivos compactado pelo tar estiver no sistema de arquivos da sua memória flash, você poderá desmontar a memória flash e reinicializar:</para>
+
+ <screen><prompt>#</prompt> <userinput>cd /</userinput>
+<prompt>#</prompt> <userinput>umount /flash</userinput>
+<prompt>#</prompt> <userinput>exit</userinput></screen>
+
+ <para>Assumindo que você configurou seu sistema de arquivos corretamente quando ele foi construído no disco rígido normal (com seus sistemas de arquivos montado como read-only, e com as opções necessárias compiladas no kernel) você agora deve inicializar com sucesso seu sistema embarcado FreeBSD.</para>
+ </step>
+ </procedure>
+ </sect1>
+
+ <sect1 xml:id="strategies">
+ <title>Estratégias do Sistema para Ambientes Pequenos e Somente Leitura</title>
+
+ <para>Em <xref linkend="ro-fs"/>, foi apontado que o sistema de arquivos <filename>/var</filename> construído pelo <filename>/etc/rc.d/var</filename> e a presença de um sistema de arquivos raiz read-only causa problemas com muitos pacotes de software comuns usados ​​com o FreeBSD. Neste artigo, serão fornecidas sugestões para a execução bem-sucedida do cron, do syslog, instalações de ports e do servidor Web Apache.</para>
+
+ <sect2>
+ <title>Cron</title>
+
+ <para>Na inicialização, o <filename>/var</filename> é preenchido pelo <filename>/etc/rc.d/var</filename> usando a lista disponível em <filename>/etc/mtree/BSD.var.dist</filename>, então o <filename>cron</filename>, o <filename>cron/tabs</filename>, <filename>at</filename>, e alguns outros diretórios padrões são criados.</para>
+
+ <para>No entanto, isso não resolve o problema de manter as crontabs entre nas reinicializações. Quando o sistema for reinicializado, o sistema de arquivos <filename>/var</filename> que está na memória desaparecerá e todas as crontabs que você tenha nele também desaparecerão. Portanto, uma solução seria criar crontabs para os usuários que precisam delas, montar seu sistema de arquivos <filename>/</filename> como read-write e copiar estas crontabs para algum lugar seguro, como <filename>/etc/tabs</filename>, em seguida, adicione uma linha ao final do <filename>/etc/rc.initdiskless</filename> que copie estes crontabs para <filename>/var/cron/tabs</filename> depois que o diretório for criado durante inicialização do sistema. Você também pode precisar adicionar uma linha que altere modos e permissões nos diretórios criados e nos arquivos copiados com <filename>/etc/rc.initdiskless</filename>.</para>
+ </sect2>
+
+ <sect2>
+ <title>Syslog</title>
+
+ <para>O <filename>syslog.conf</filename> especifica os locais de certos arquivos de log que existem em <filename>/var/log</filename>. Esses arquivos não são criados pelo <filename>/etc/rc.d/var</filename> na inicialização do sistema. Portanto, em algum lugar do <filename>/etc/rc.d/var</filename>, logo após a seção que cria os diretórios em <filename>/var</filename>, você precisará adicionar algo como isto:</para>
+
+ <screen><prompt>#</prompt> <userinput>touch /var/log/security /var/log/maillog /var/log/cron /var/log/messages</userinput>
+<prompt>#</prompt> <userinput>chmod 0644 /var/log/*</userinput></screen>
+ </sect2>
+
+ <sect2>
+ <title>Instalação de Ports</title>
+
+ <para>Antes de discutir as alterações necessárias para usar com êxito a árvore de ports, é necessário um lembrete sobre a natureza read-only dos seus sistemas de arquivos na mídia flash. Como eles são read-only, você precisará montá-los temporariamente para read-write usando a sintaxe de montagem mostrada em <xref linkend="ro-fs"/>. Você sempre deve remontar esses sistemas de arquivos no modo read-only quando tiver terminado qualquer manutenção - gravações desnecessárias na mídia flash podem reduzir consideravelmente sua vida útil.</para>
+
+ <para>Para tornar possível entrar em um diretório do ports e executar com sucesso o comando <command>make</command> <buildtarget>install</buildtarget>, devemos criar um diretório de pacotes em um sistema de arquivos que não esteja localizado na memória o qual manterá o controle dos nossos pacotes entre as reinicializações . Como é necessário montar seus sistemas de arquivos como read-write para a instalação de um pacote, é sensato supor que uma área na mídia flash também possa ser usada para que as informações do pacote sejam gravadas.</para>
+
+ <para>Primeiro, crie o diretório do banco de dados de pacotes. Ele fica normalmente em <filename>/var/db/pkg</filename>, mas não podemos colocá-lo lá, pois ele irá desaparecer toda vez que o sistema for inicializado.</para>
+
+ <screen><prompt>#</prompt> <userinput>mkdir /etc/pkg</userinput></screen>
+
+ <para>Agora, adicione uma linha ao arquivo <filename>/etc/rc.d/var</filename> que vincule o <filename>/etc/pkg</filename> ao <filename>/var/db/pkg</filename>. Um exemplo:</para>
+
+ <screen><prompt>#</prompt> <userinput>ln -s /etc/pkg /var/db/pkg</userinput></screen>
+
+ <para>Agora, sempre que montar seus sistemas de arquivos como read-write e instalar um pacote, o <command>make</command> <buildtarget>install</buildtarget> funcionará e as informações do pacote serão gravadas com êxito em <filename>/etc/pkg</filename> (porque o sistema de arquivos será, naquele momento, montado como read-write) que estará sempre disponível para o sistema operacional como <filename>/var/db/pkg</filename>.</para>
+ </sect2>
+
+ <sect2>
+ <title>Servidor Web Apache</title>
+
+ <note>
+ <para>As etapas nesta seção são necessárias apenas se o Apache estiver configurado para gravar suas informações de pid ou log fora do <filename>/var</filename>. Por padrão, o Apache mantém seu arquivo pid em <filename>/var/run/httpd.pid</filename> e seus arquivos de log em <filename>/var/log</filename>.</para>
+ </note>
+
+ <para>Agora é assumido que o Apache mantém seus arquivos de log em um diretório <filename><replaceable>apache_log_dir</replaceable></filename> fora do <filename>/var</filename>. Quando esse diretório reside em um sistema de arquivos read-only, o Apache não poderá salvar nenhum arquivo de log e pode ter problemas para funcionar. Se assim for, é necessário adicionar um novo diretório à lista de diretórios em <filename>/etc/rc.d/var</filename> para criar no <filename>/var</filename> e vincular <filename><replaceable>apache_log_dir</replaceable></filename> ao <filename>/var/log/apache</filename>. Também é necessário definir permissões e propriedade neste novo diretório.</para>
+
+ <para>Primeiro, adicione o diretório <literal>log/apache</literal> à lista de diretórios a serem criados em <filename>/etc/rc.d/var</filename>.</para>
+
+ <para>Segundo, adicione estes comandos ao <filename>/etc/rc.d/var</filename> após a seção de criação do diretório:</para>
+
+ <screen><prompt>#</prompt> <userinput>chmod 0774 /var/log/apache</userinput>
+<prompt>#</prompt> <userinput>chown nobody:nobody /var/log/apache</userinput></screen>
+
+ <para>Por fim, remova o diretório <filename><replaceable>apache_log_dir</replaceable></filename> existente e substitua-o por um link:</para>
+
+ <screen><prompt>#</prompt> <userinput>rm -rf <replaceable>apache_log_dir</replaceable></userinput>
+<prompt>#</prompt> <userinput>ln -s /var/log/apache <replaceable>apache_log_dir</replaceable></userinput></screen>
+ </sect2>
+ </sect1>
+</article>
diff --git a/pt_BR.ISO8859-1/articles/solid-state/pt_BR.po b/pt_BR.ISO8859-1/articles/solid-state/pt_BR.po
new file mode 100644
index 0000000000..ee617951fe
--- /dev/null
+++ b/pt_BR.ISO8859-1/articles/solid-state/pt_BR.po
@@ -0,0 +1,1030 @@
+# $FreeBSD$
+# Danilo G. Baio <dbaio@FreeBSD.org>, 2018. #zanata
+# Edson Brandi <ebrandi@FreeBSD.org>, 2018. #zanata
+# Silvio Ap Silva <contato@kanazuchi.com>, 2018. #zanata
+# Mauro Risonho de Paula Assumpção <mauro.risonho@gmail.com>, 2018. #zanata
+msgid ""
+msgstr ""
+"Project-Id-Version: PACKAGE VERSION\n"
+"POT-Creation-Date: 2018-09-09 12:37+0000\n"
+"PO-Revision-Date: 2018-09-09 11:32+0000\n"
+"Last-Translator: Copied by Zanata <copied-by-zanata@zanata.org>\n"
+"Language-Team: \n"
+"Language: pt_BR\n"
+"MIME-Version: 1.0\n"
+"Content-Type: text/plain; charset=UTF-8\n"
+"Content-Transfer-Encoding: 8bit\n"
+"X-Generator: Zanata 4.6.2\n"
+"Plural-Forms: nplurals=2; plural=(n != 1)\n"
+
+#. Put one translator per line, in the form NAME <EMAIL>, YEAR1, YEAR2
+msgctxt "_"
+msgid "translator-credits"
+msgstr ""
+"Edson Brandi, ebrandi@FreeBSD.org, 2018\n"
+"Mauro Risonho de Paula Assumpção, mauro.risonho@gmail.com, 2018\n"
+"Silvio Ap Silva, contato@kanazuchi.com, 2018\n"
+"Danilo G. Baio, dbaio@FreeBSD.org, 2018"
+
+#. (itstool) path: info/title
+#: article.translate.xml:35
+msgid "FreeBSD and Solid State Devices"
+msgstr "FreeBSD e Dispositivos de Estado Sólido"
+
+#. (itstool) path: affiliation/address
+#: article.translate.xml:44
+#, no-wrap
+msgid ""
+"\n"
+"\t <email>john@kozubik.com</email>\n"
+"\t "
+msgstr ""
+"\n"
+"\t <email>john@kozubik.com</email>\n"
+"\t "
+
+#. (itstool) path: authorgroup/author
+#: article.translate.xml:38
+msgid ""
+"<personname> <firstname>John</firstname> <surname>Kozubik</surname> </"
+"personname> <affiliation> <_:address-1/> </affiliation>"
+msgstr ""
+"<personname> <firstname>John</firstname> <surname>Kozubik</surname> </"
+"personname> <affiliation> <_:address-1/> </affiliation>"
+
+#. (itstool) path: info/copyright
+#: article.translate.xml:51
+msgid ""
+"<year>2001</year> <year>2009</year> <holder>The FreeBSD Documentation "
+"Project</holder>"
+msgstr ""
+"<year>2001</year> <year>2009</year> <holder>Projeto de Documentação do "
+"FreeBSD</holder>"
+
+#. (itstool) path: legalnotice/para
+#: article.translate.xml:58
+msgid "FreeBSD is a registered trademark of the FreeBSD Foundation."
+msgstr "FreeBSD is a registered trademark of the FreeBSD Foundation."
+
+#. (itstool) path: legalnotice/para
+#: article.translate.xml:60
+msgid ""
+"Many of the designations used by manufacturers and sellers to distinguish "
+"their products are claimed as trademarks. Where those designations appear in "
+"this document, and the FreeBSD Project was aware of the trademark claim, the "
+"designations have been followed by the <quote>™</quote> or the <quote>®</"
+"quote> symbol."
+msgstr ""
+"Many of the designations used by manufacturers and sellers to distinguish "
+"their products are claimed as trademarks. Where those designations appear in "
+"this document, and the FreeBSD Project was aware of the trademark claim, the "
+"designations have been followed by the <quote>™</quote> or the <quote>®</"
+"quote> symbol."
+
+#. (itstool) path: legalnotice/title
+#: article.translate.xml:70
+msgid "Copyright"
+msgstr "Copyright"
+
+#. (itstool) path: legalnotice/para
+#: article.translate.xml:72
+msgid ""
+"Redistribution and use in source (XML DocBook) and 'compiled' forms (XML, "
+"HTML, PDF, PostScript, RTF and so forth) with or without modification, are "
+"permitted provided that the following conditions are met:"
+msgstr ""
+"Redistribution and use in source (XML DocBook) and 'compiled' forms (XML, "
+"HTML, PDF, PostScript, RTF and so forth) with or without modification, are "
+"permitted provided that the following conditions are met:"
+
+#. (itstool) path: listitem/para
+#: article.translate.xml:79
+msgid ""
+"Redistributions of source code (XML DocBook) must retain the above copyright "
+"notice, this list of conditions and the following disclaimer as the first "
+"lines of this file unmodified."
+msgstr ""
+"Redistributions of source code (XML DocBook) must retain the above copyright "
+"notice, this list of conditions and the following disclaimer as the first "
+"lines of this file unmodified."
+
+#. (itstool) path: listitem/para
+#: article.translate.xml:85
+msgid ""
+"Redistributions in compiled form (transformed to other DTDs, converted to "
+"PDF, PostScript, RTF and other formats) must reproduce the above copyright "
+"notice, this list of conditions and the following disclaimer in the "
+"documentation and/or other materials provided with the distribution."
+msgstr ""
+"Redistributions in compiled form (transformed to other DTDs, converted to "
+"PDF, PostScript, RTF and other formats) must reproduce the above copyright "
+"notice, this list of conditions and the following disclaimer in the "
+"documentation and/or other materials provided with the distribution."
+
+#. (itstool) path: important/para
+#: article.translate.xml:94
+msgid ""
+"THIS DOCUMENTATION IS PROVIDED BY THE FREEBSD DOCUMENTATION PROJECT \"AS IS"
+"\" AND ANY EXPRESS OR IMPLIED WARRANTIES, INCLUDING, BUT NOT LIMITED TO, THE "
+"IMPLIED WARRANTIES OF MERCHANTABILITY AND FITNESS FOR A PARTICULAR PURPOSE "
+"ARE DISCLAIMED. IN NO EVENT SHALL THE FREEBSD DOCUMENTATION PROJECT BE "
+"LIABLE FOR ANY DIRECT, INDIRECT, INCIDENTAL, SPECIAL, EXEMPLARY, OR "
+"CONSEQUENTIAL DAMAGES (INCLUDING, BUT NOT LIMITED TO, PROCUREMENT OF "
+"SUBSTITUTE GOODS OR SERVICES; LOSS OF USE, DATA, OR PROFITS; OR BUSINESS "
+"INTERRUPTION) HOWEVER CAUSED AND ON ANY THEORY OF LIABILITY, WHETHER IN "
+"CONTRACT, STRICT LIABILITY, OR TORT (INCLUDING NEGLIGENCE OR OTHERWISE) "
+"ARISING IN ANY WAY OUT OF THE USE OF THIS DOCUMENTATION, EVEN IF ADVISED OF "
+"THE POSSIBILITY OF SUCH DAMAGE."
+msgstr ""
+"THIS DOCUMENTATION IS PROVIDED BY THE FREEBSD DOCUMENTATION PROJECT \"AS IS"
+"\" AND ANY EXPRESS OR IMPLIED WARRANTIES, INCLUDING, BUT NOT LIMITED TO, THE "
+"IMPLIED WARRANTIES OF MERCHANTABILITY AND FITNESS FOR A PARTICULAR PURPOSE "
+"ARE DISCLAIMED. IN NO EVENT SHALL THE FREEBSD DOCUMENTATION PROJECT BE "
+"LIABLE FOR ANY DIRECT, INDIRECT, INCIDENTAL, SPECIAL, EXEMPLARY, OR "
+"CONSEQUENTIAL DAMAGES (INCLUDING, BUT NOT LIMITED TO, PROCUREMENT OF "
+"SUBSTITUTE GOODS OR SERVICES; LOSS OF USE, DATA, OR PROFITS; OR BUSINESS "
+"INTERRUPTION) HOWEVER CAUSED AND ON ANY THEORY OF LIABILITY, WHETHER IN "
+"CONTRACT, STRICT LIABILITY, OR TORT (INCLUDING NEGLIGENCE OR OTHERWISE) "
+"ARISING IN ANY WAY OUT OF THE USE OF THIS DOCUMENTATION, EVEN IF ADVISED OF "
+"THE POSSIBILITY OF SUCH DAMAGE."
+
+#. (itstool) path: info/pubdate
+#. (itstool) path: info/releaseinfo
+#: article.translate.xml:110 article.translate.xml:112
+msgid ""
+"$FreeBSD: head/en_US.ISO8859-1/articles/solid-state/article.xml 44923 "
+"2014-05-23 17:36:54Z bcr $"
+msgstr "$FreeBSD$"
+
+#. (itstool) path: abstract/para
+#: article.translate.xml:115
+msgid ""
+"This article covers the use of solid state disk devices in FreeBSD to create "
+"embedded systems."
+msgstr ""
+"Este artigo aborda o uso de dispositivos de disco de estado sólido no "
+"FreeBSD para criar sistemas embarcados."
+
+#. (itstool) path: abstract/para
+#: article.translate.xml:118
+msgid ""
+"Embedded systems have the advantage of increased stability due to the lack "
+"of integral moving parts (hard drives). Account must be taken, however, for "
+"the generally low disk space available in the system and the durability of "
+"the storage medium."
+msgstr ""
+"Os sistemas embarcados têm a vantagem de uma maior estabilidade devido à "
+"ausência de partes móveis (discos rígidos). No entanto, é preciso ter em "
+"conta que o espaço disponível em disco é geralmente baixo no sistema e a "
+"durabilidade do meio de armazenamento."
+
+#. (itstool) path: abstract/para
+#: article.translate.xml:124
+msgid ""
+"Specific topics to be covered include the types and attributes of solid "
+"state media suitable for disk use in FreeBSD, kernel options that are of "
+"interest in such an environment, the <filename>rc.initdiskless</filename> "
+"mechanisms that automate the initialization of such systems and the need for "
+"read-only filesystems, and building filesystems from scratch. The article "
+"will conclude with some general strategies for small and read-only FreeBSD "
+"environments."
+msgstr ""
+"Tópicos específicos a serem abordados incluem os tipos e atributos das mídia "
+"de estado sólido adequadas para uso como disco no FreeBSD, opções de kernel "
+"que são de interesse em tal ambiente, os mecanismos <filename>rc."
+"initdiskless</filename> que automatizam a inicialização de tais sistemas e a "
+"necessidade de sistemas de arquivos read-only e a construção de sistemas de "
+"arquivos a partir do zero. O artigo será concluído com algumas estratégias "
+"gerais para ambientes FreeBSD pequenos e read-only ."
+
+#. (itstool) path: sect1/title
+#: article.translate.xml:136
+msgid "Solid State Disk Devices"
+msgstr "Dispositivos de Disco de Estado Sólido"
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:138
+msgid ""
+"The scope of this article will be limited to solid state disk devices made "
+"from flash memory. Flash memory is a solid state memory (no moving parts) "
+"that is non-volatile (the memory maintains data even after all power sources "
+"have been disconnected). Flash memory can withstand tremendous physical "
+"shock and is reasonably fast (the flash memory solutions covered in this "
+"article are slightly slower than a EIDE hard disk for write operations, and "
+"much faster for read operations). One very important aspect of flash memory, "
+"the ramifications of which will be discussed later in this article, is that "
+"each sector has a limited rewrite capacity. You can only write, erase, and "
+"write again to a sector of flash memory a certain number of times before the "
+"sector becomes permanently unusable. Although many flash memory products "
+"automatically map bad blocks, and although some even distribute write "
+"operations evenly throughout the unit, the fact remains that there exists a "
+"limit to the amount of writing that can be done to the device. Competitive "
+"units have between 1,000,000 and 10,000,000 writes per sector in their "
+"specification. This figure varies due to the temperature of the environment."
+msgstr ""
+"O escopo deste artigo será limitado a dispositivos de disco de estado sólido "
+"feitos de memória flash. A memória flash é uma memória de estado sólido (sem "
+"partes móveis) que é não volátil (a memória mantém os dados mesmo depois de "
+"todas as fontes de energia terem sido desconectadas). A memória flash pode "
+"suportar um enorme choque físico e é razoavelmente rápida (as soluções de "
+"memória flash abordadas neste artigo são um pouco mais lentas que um disco "
+"rígido EIDE para operações de gravação e muito mais rápidas para operações "
+"de leitura). Um aspecto muito importante da memória flash, cujas "
+"ramificações serão discutidas mais adiante neste artigo, é que cada setor "
+"tem uma capacidade limitada de reescrita. Você só pode gravar, apagar e "
+"gravar novamente em um setor de memória flash um certo número de vezes antes "
+"que o setor fique permanentemente inutilizável. Embora muitos produtos de "
+"memória flash mapeiam automaticamente os blocos defeituosos, e embora alguns "
+"até distribuam operações de gravação uniformemente por toda a unidade, a "
+"verdade é que existe um limite para a quantidade de escrita que pode ser "
+"feita no dispositivo. Unidades competitivas possuem entre 1.000.000 e "
+"10.000.000 gravações por setor em suas especificações. Este valor varia com "
+"à temperatura do ambiente."
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:159
+msgid ""
+"Specifically, we will be discussing ATA compatible compact-flash units, "
+"which are quite popular as storage media for digital cameras. Of particular "
+"interest is the fact that they pin out directly to the IDE bus and are "
+"compatible with the ATA command set. Therefore, with a very simple and low-"
+"cost adaptor, these devices can be attached directly to an IDE bus in a "
+"computer. Once implemented in this manner, operating systems such as FreeBSD "
+"see the device as a normal hard disk (albeit small)."
+msgstr ""
+"Especificamente, estaremos discutindo unidades compact-flash compatíveis com "
+"ATA, as quais são bastante populares como mídia de armazenamento para "
+"câmeras digitais. De particular interesse é o fato de que eles são fixados "
+"diretamente no barramento IDE e são compatíveis com o conjunto de comandos "
+"ATA. Portanto, com um adaptador muito simples e de baixo custo, esses "
+"dispositivos podem ser conectados diretamente a um barramento IDE em um "
+"computador. Uma vez implementado desta maneira, sistemas operacionais como o "
+"FreeBSD vêem o dispositivo como um disco rígido normal (embora pequeno)."
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:169
+msgid ""
+"Other solid state disk solutions do exist, but their expense, obscurity, and "
+"relative unease of use places them beyond the scope of this article."
+msgstr ""
+"Outras soluções de disco de estado sólido existem, mas seu custo, "
+"obscuridade e relativa dificuldade de uso os colocam além do escopo deste "
+"artigo."
+
+#. (itstool) path: sect1/title
+#: article.translate.xml:175
+msgid "Kernel Options"
+msgstr "Opções do Kernel"
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:177
+msgid ""
+"A few kernel options are of specific interest to those creating an embedded "
+"FreeBSD system."
+msgstr ""
+"Algumas opções do kernel são de interesse específico para aqueles que criam "
+"sistemas FreeBSD embarcados."
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:180
+msgid ""
+"All embedded FreeBSD systems that use flash memory as system disk will be "
+"interested in memory disks and memory filesystems. Because of the limited "
+"number of writes that can be done to flash memory, the disk and the "
+"filesystems on the disk will most likely be mounted read-only. In this "
+"environment, filesystems such as <filename>/tmp</filename> and <filename>/"
+"var</filename> are mounted as memory filesystems to allow the system to "
+"create logs and update counters and temporary files. Memory filesystems are "
+"a critical component to a successful solid state FreeBSD implementation."
+msgstr ""
+"Todos os sistemas embarcados FreeBSD que usam memória flash como disco para "
+"o sistema estarão interessados ​​em usar discos em memória e sistemas de "
+"arquivos em memória. Devido ao número limitado de gravações que podem ser "
+"feitas na memória flash, o disco e os sistemas de arquivos no disco "
+"provavelmente serão montados como read-only. Nesse ambiente, sistemas de "
+"arquivos tais como <filename>/tmp</filename> e <filename>/var</filename> são "
+"montados como sistemas de arquivos em memória para permitir que o sistema "
+"crie logs e atualize contadores e arquivos temporários. Os sistemas de "
+"arquivos em memória são um componente crítico para uma implementação bem-"
+"sucedida do FreeBSD em dispositivos de estado sólido."
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:191
+msgid ""
+"You should make sure the following lines exist in your kernel configuration "
+"file:"
+msgstr ""
+"Você deve ter certeza de que as seguintes linhas existem no seu arquivo de "
+"configuração do kernel:"
+
+#. (itstool) path: sect1/programlisting
+#: article.translate.xml:194
+#, no-wrap
+msgid ""
+"options MFS # Memory Filesystem\n"
+"options MD_ROOT # md device usable as a potential root device\n"
+"pseudo-device md # memory disk"
+msgstr ""
+"options MFS # Memory Filesystem\n"
+"options MD_ROOT # md device usable as a potential root device\n"
+"pseudo-device md # memory disk"
+
+#. (itstool) path: sect1/title
+#: article.translate.xml:200
+msgid "The <literal>rc</literal> Subsystem and Read-Only Filesystems"
+msgstr "O Subsistema <literal>rc</literal> e os Sistemas de Arquivos Read-Only"
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:203
+msgid ""
+"The post-boot initialization of an embedded FreeBSD system is controlled by "
+"<filename>/etc/rc.initdiskless</filename>."
+msgstr ""
+"A inicialização pós-boot de um sistema FreeBSD embarcado é controlada por "
+"<filename>/etc/rc.initdiskless</filename>."
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:206
+msgid ""
+"<filename>/etc/rc.d/var</filename> mounts <filename>/var</filename> as a "
+"memory filesystem, makes a configurable list of directories in <filename>/"
+"var</filename> with the <citerefentry><refentrytitle>mkdir</"
+"refentrytitle><manvolnum>1</manvolnum></citerefentry> command, and changes "
+"modes on some of those directories. In the execution of <filename>/etc/rc.d/"
+"var</filename>, one other <filename>rc.conf</filename> variable comes into "
+"play – <literal>varsize</literal>. A <filename>/var</filename> partition is "
+"created by <filename>/etc/rc.d/var</filename> based on the value of this "
+"variable in <filename>rc.conf</filename>:"
+msgstr ""
+"O <filename>/etc/rc.d/var</filename> monta o <filename>/var</filename> como "
+"um sistema de arquivos em memória, cria uma lista configurável de diretórios "
+"em <filename>/var</filename> com o comando "
+"<citerefentry><refentrytitle>mkdir</refentrytitle><manvolnum>1</manvolnum></"
+"citerefentry> e altera os modos em alguns desses diretórios. Na execução do "
+"<filename>/etc/rc.d/var</filename>, uma outra variável <filename>rc.conf</"
+"filename> entra em jogo – <literal>varsize</literal>. Uma partição "
+"<filename>/var</filename> é criada por <filename> /etc/rc.d/var</filename> "
+"baseado no valor desta variável em <filename>rc.conf</filename>:"
+
+#. (itstool) path: sect1/programlisting
+#: article.translate.xml:218
+#, no-wrap
+msgid "varsize=8192"
+msgstr "varsize=8192"
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:220
+msgid "Remember that this value is in sectors by default."
+msgstr "Lembre-se de que esse valor é informado em setores, por padrão."
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:222
+msgid ""
+"The fact that <filename>/var</filename> is a read-write filesystem is an "
+"important distinction, as the <filename>/</filename> partition (and any "
+"other partitions you may have on your flash media) should be mounted read-"
+"only. Remember that in <xref linkend=\"intro\"/> we detailed the limitations "
+"of flash memory - specifically the limited write capability. The importance "
+"of not mounting filesystems on flash media read-write, and the importance of "
+"not using a swap file, cannot be overstated. A swap file on a busy system "
+"can burn through a piece of flash media in less than one year. Heavy logging "
+"or temporary file creation and destruction can do the same. Therefore, in "
+"addition to removing the <literal>swap</literal> entry from your <filename>/"
+"etc/fstab</filename>, you should also change the Options field for each "
+"filesystem to <literal>ro</literal> as follows:"
+msgstr ""
+"O fato do <filename>/var</filename> ser um sistema de arquivos read-write é "
+"uma distinção importante, pois a partição <filename>/</filename> (e "
+"quaisquer outras partições que você possa ter em sua mídia flash) deve ser "
+"montada como read-only. Lembre-se que em <xref linkend=\"intro\"/> "
+"detalhamos as limitações da memória flash - especificamente a capacidade de "
+"gravação limitada. A importância de não montar sistemas de arquivos em mídia "
+"flash em modo read-write, e a importância de não usar um arquivo de swap, "
+"não pode ser exagerado. Um arquivo de swap em um sistema ocupado pode "
+"inutilizar uma mídia flash em menos de um ano. Criação de log pesado ou "
+"criação e destruição de arquivos temporários podem fazer o mesmo. Portanto, "
+"além de remover a entrada <literal>swap</literal> do seu <filename>/etc/"
+"fstab</filename>, você também deve alterar o campo Options para cada sistema "
+"de arquivos para <literal>ro</literal> como segue:"
+
+#. (itstool) path: sect1/programlisting
+#: article.translate.xml:239
+#, no-wrap
+msgid ""
+"# Device Mountpoint FStype Options Dump Pass#\n"
+"/dev/ad0s1a / ufs ro 1 1"
+msgstr ""
+"# Device Mountpoint FStype Options Dump Pass#\n"
+"/dev/ad0s1a / ufs ro 1 1"
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:242
+msgid ""
+"A few applications in the average system will immediately begin to fail as a "
+"result of this change. For instance, cron will not run properly as a result "
+"of missing cron tabs in the <filename>/var</filename> created by <filename>/"
+"etc/rc.d/var</filename>, and syslog and dhcp will encounter problems as well "
+"as a result of the read-only filesystem and missing items in the <filename>/"
+"var</filename> that <filename>/etc/rc.d/var</filename> has created. These "
+"are only temporary problems though, and are addressed, along with solutions "
+"to the execution of other common software packages in <xref linkend="
+"\"strategies\"/>."
+msgstr ""
+"Alguns aplicativos no sistema começarão a falhar imediatamente como "
+"resultado desta alteração. Por exemplo, o cron não será executado "
+"corretamente como resultado da falta de crontabs no <filename>/var</"
+"filename> criado pelo <filename>/etc/rc.d/var</filename>, o syslog e o dhcp "
+"também irão encontrar problemas como resultado do sistema de arquivos estar "
+"em modo read-only e dos itens ausentes no <filename>/var</filename> que o "
+"<filename>/etc/rc.d/var</filename> criou. Estes são apenas problemas "
+"temporários, embora sejam abordados, juntamente com soluções para a execução "
+"de outros pacotes de software comuns em <xref linkend=\"strategies\"/>."
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:254
+msgid ""
+"An important thing to remember is that a filesystem that was mounted read-"
+"only with <filename>/etc/fstab</filename> can be made read-write at any time "
+"by issuing the command:"
+msgstr ""
+"Uma coisa importante para lembrar é que um sistema de arquivos que foi "
+"montado como read-only com o <filename>/etc/fstab</filename> pode ser "
+"colocado em modo read-write a qualquer momento, executando o comando:"
+
+#. (itstool) path: sect1/screen
+#: article.translate.xml:258
+#, no-wrap
+msgid "<prompt>#</prompt> <userinput>/sbin/mount -uw <replaceable>partition</replaceable></userinput>"
+msgstr "<prompt>#</prompt> <userinput>/sbin/mount -uw <replaceable>partition</replaceable></userinput>"
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:260
+msgid "and can be toggled back to read-only with the command:"
+msgstr "e pode ser alternado de volta para somente leitura com o comando:"
+
+#. (itstool) path: sect1/screen
+#: article.translate.xml:263
+#, no-wrap
+msgid "<prompt>#</prompt> <userinput>/sbin/mount -ur <replaceable>partition</replaceable></userinput>"
+msgstr "<prompt>#</prompt> <userinput>/sbin/mount -ur <replaceable>partition</replaceable></userinput>"
+
+#. (itstool) path: sect1/title
+#: article.translate.xml:267
+msgid "Building a File System from Scratch"
+msgstr "Construindo um sistema de arquivos a partir do zero"
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:269
+msgid ""
+"Because ATA compatible compact-flash cards are seen by FreeBSD as normal IDE "
+"hard drives, you could theoretically install FreeBSD from the network using "
+"the kern and mfsroot floppies or from a CD."
+msgstr ""
+"Como os cartões Compact Flash compatíveis com ATA são vistos pelo FreeBSD "
+"como discos rígidos IDE normais, você poderia teoricamente instalar o "
+"FreeBSD a partir da rede usando o os disquetes do kern e mfsroot ou de um CD."
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:274
+msgid ""
+"However, even a small installation of FreeBSD using normal installation "
+"procedures can produce a system in size of greater than 200 megabytes. "
+"Because most people will be using smaller flash memory devices (128 "
+"megabytes is considered fairly large - 32 or even 16 megabytes is common) an "
+"installation using normal mechanisms is not possible—there is simply not "
+"enough disk space for even the smallest of conventional installations."
+msgstr ""
+"No entanto, mesmo uma pequena instalação do FreeBSD utilizando procedimentos "
+"normais de instalação pode produzir um sistema com tamanho maior que 200 "
+"megabytes. Como a maioria das pessoas usará dispositivos de memória flash "
+"menores (128 megabytes são considerados razoavelmente grandes - 32 ou até "
+"mesmo 16 megabytes são comuns), uma instalação usando mecanismos normais não "
+"será possível - simplesmente não há espaço em disco suficiente nem para as "
+"menores instalações convencionais."
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:283
+msgid ""
+"The easiest way to overcome this space limitation is to install FreeBSD "
+"using conventional means to a normal hard disk. After the installation is "
+"complete, pare down the operating system to a size that will fit onto your "
+"flash media, then tar the entire filesystem. The following steps will guide "
+"you through the process of preparing a piece of flash memory for your tarred "
+"filesystem. Remember, because a normal installation is not being performed, "
+"operations such as partitioning, labeling, file-system creation, etc. need "
+"to be performed by hand. In addition to the kern and mfsroot floppy disks, "
+"you will also need to use the fixit floppy."
+msgstr ""
+"A maneira mais fácil de superar essa limitação de espaço é instalar o "
+"FreeBSD usando meios convencionais em um disco rígido normal. Após a "
+"conclusão da instalação, reduza o sistema operacional para um tamanho que "
+"caiba na mídia flash e compacte o sistema de arquivos inteiro com o tar. Os "
+"passos seguintes irão guiá-lo através do processo de preparação de uma parte "
+"da memória flash para o seu sistema de arquivos compactado com o tar. Lembre-"
+"se de que não estamos executando uma instalação normal, logo as operações "
+"como particionamento, criação dos labels, criação do sistema de arquivos, "
+"etc. precisam ser executadas manualmente. Além dos disquetes do kern e "
+"mfsroot, você também precisará usar o disquete do fixit."
+
+#. (itstool) path: step/title
+#: article.translate.xml:297
+msgid "Partitioning Your Flash Media Device"
+msgstr "Particionando seu Dispositivo de Mídia Flash"
+
+#. (itstool) path: step/para
+#: article.translate.xml:299
+msgid ""
+"After booting with the kern and mfsroot floppies, choose <literal>custom</"
+"literal> from the installation menu. In the custom installation menu, choose "
+"<literal>partition</literal>. In the partition menu, you should delete all "
+"existing partitions using <keycap>d</keycap>. After deleting all existing "
+"partitions, create a partition using <keycap>c</keycap> and accept the "
+"default value for the size of the partition. When asked for the type of the "
+"partition, make sure the value is set to <literal>165</literal>. Now write "
+"this partition table to the disk by pressing <keycap>w</keycap> (this is a "
+"hidden option on this screen). If you are using an ATA compatible compact "
+"flash card, you should choose the FreeBSD Boot Manager. Now press <keycap>q</"
+"keycap> to quit the partition menu. You will be shown the boot manager menu "
+"once more - repeat the choice you made earlier."
+msgstr ""
+"Após inicializar com os disquetes do kern e mfsroot, escolha "
+"<literal>custom</literal> no menu de instalação. No menu de instalação "
+"personalizada, escolha <literal>partition</literal>. No menu de partições, "
+"você deve apagar todas as partições existentes usando a tecla <keycap>d</"
+"keycap>. Depois de excluir todas as partições existentes, crie uma partição "
+"usando a tecla <keycap>c</keycap> e aceite o valor padrão para o tamanho da "
+"partição. Quando perguntado sobre o tipo da partição, certifique-se de que o "
+"valor esteja configurado para <literal>165</literal>. Agora escreva esta "
+"tabela de partições no disco pressionando <keycap>w</keycap> (esta é uma "
+"opção oculta nesta tela). Se você estiver usando um cartão compact flash "
+"compatível com ATA, deverá escolher o FreeBSD Boot Manager. Agora pressione "
+"<keycap>q</keycap> para sair do menu de partições. Você verá novamente o "
+"menu do gerenciador de inicialização - repita a escolha feita anteriormente."
+
+#. (itstool) path: step/title
+#: article.translate.xml:319
+msgid "Creating Filesystems on Your Flash Memory Device"
+msgstr "Criando Sistemas de Arquivos em seu Dispositivo de Memória Flash"
+
+#. (itstool) path: step/para
+#: article.translate.xml:322
+msgid ""
+"Exit the custom installation menu, and from the main installation menu "
+"choose the <literal>fixit</literal> option. After entering the fixit "
+"environment, enter the following command:"
+msgstr ""
+"Saia do menu de instalação personalizada e, no menu de instalação principal, "
+"escolha a opção <literal>fixit</literal>. Depois de entrar no ambiente do "
+"fixit, digite o seguinte comando:"
+
+#. (itstool) path: step/screen
+#: article.translate.xml:327
+#, no-wrap
+msgid "<prompt>#</prompt> <userinput>disklabel -e /dev/ad0c</userinput>"
+msgstr "<prompt>#</prompt> <userinput>disklabel -e /dev/ad0c</userinput>"
+
+#. (itstool) path: step/para
+#: article.translate.xml:329
+msgid ""
+"At this point you will have entered the vi editor under the auspices of the "
+"disklabel command. Next, you need to add an <literal>a:</literal> line at "
+"the end of the file. This <literal>a:</literal> line should look like:"
+msgstr ""
+"Neste ponto, você terá entrado no editor vi sob os auspícios do comando "
+"disklabel. Em seguida, você precisa adicionar uma linha <literal>a:</"
+"literal> no final do arquivo. Esta linha <literal>a:</literal> deve ser "
+"semelhante a linha abaixo:"
+
+#. (itstool) path: step/programlisting
+#: article.translate.xml:334
+#, no-wrap
+msgid "a: <replaceable>123456</replaceable> 0 4.2BSD 0 0"
+msgstr "a: <replaceable>123456</replaceable> 0 4.2BSD 0 0"
+
+#. (itstool) path: step/para
+#: article.translate.xml:336
+msgid ""
+"Where <replaceable>123456</replaceable> is a number that is exactly the same "
+"as the number in the existing <literal>c:</literal> entry for size. "
+"Basically you are duplicating the existing <literal>c:</literal> line as an "
+"<literal>a:</literal> line, making sure that fstype is <literal>4.2BSD</"
+"literal>. Save the file and exit."
+msgstr ""
+"Onde <replaceable>123456</replaceable> é um número o qual é exatamente o "
+"mesmo que o número existente na entrada <literal>c:</literal> para o "
+"tamanho. Basicamente, você está duplicando a linha <literal>c:</literal> "
+"existente como uma linha <literal>a:</literal>, certifique-se de que o "
+"fstype seja <literal>4.2BSD</literal>. Salve o arquivo e saia."
+
+#. (itstool) path: step/screen
+#: article.translate.xml:343
+#, no-wrap
+msgid ""
+"<prompt>#</prompt> <userinput>disklabel -B -r /dev/ad0c</userinput>\n"
+"<prompt>#</prompt> <userinput>newfs /dev/ad0a</userinput>"
+msgstr ""
+"<prompt>#</prompt> <userinput>disklabel -B -r /dev/ad0c</userinput>\n"
+"<prompt>#</prompt> <userinput>newfs /dev/ad0a</userinput>"
+
+#. (itstool) path: step/title
+#: article.translate.xml:348
+msgid "Placing Your Filesystem on the Flash Media"
+msgstr "Colocando seu Sistema de Arquivos na Mídia Flash"
+
+#. (itstool) path: step/para
+#: article.translate.xml:350
+msgid "Mount the newly prepared flash media:"
+msgstr "Monte a mídia flash recém-preparada:"
+
+#. (itstool) path: step/screen
+#: article.translate.xml:352
+#, no-wrap
+msgid "<prompt>#</prompt> <userinput>mount /dev/ad0a /flash</userinput>"
+msgstr "<prompt>#</prompt> <userinput>mount /dev/ad0a /flash</userinput>"
+
+#. (itstool) path: step/para
+#: article.translate.xml:354
+msgid ""
+"Bring this machine up on the network so we may transfer our tar file and "
+"explode it onto our flash media filesystem. One example of how to do this is:"
+msgstr ""
+"Coloque esta máquina na rede para que possamos transferir nosso arquivo tar "
+"e extrai-lo em nosso sistema de arquivos de mídia flash. Um exemplo de como "
+"fazer isso é:"
+
+#. (itstool) path: step/screen
+#: article.translate.xml:358
+#, no-wrap
+msgid ""
+"<prompt>#</prompt> <userinput>ifconfig xl0 192.168.0.10 netmask 255.255.255.0</userinput>\n"
+"<prompt>#</prompt> <userinput>route add default 192.168.0.1</userinput>"
+msgstr ""
+"<prompt>#</prompt> <userinput>ifconfig xl0 192.168.0.10 netmask 255.255.255.0</userinput>\n"
+"<prompt>#</prompt> <userinput>route add default 192.168.0.1</userinput>"
+
+#. (itstool) path: step/para
+#: article.translate.xml:361
+msgid ""
+"Now that the machine is on the network, transfer your tar file. You may be "
+"faced with a bit of a dilemma at this point - if your flash memory part is "
+"128 megabytes, for instance, and your tar file is larger than 64 megabytes, "
+"you cannot have your tar file on the flash media at the same time as you "
+"explode it - you will run out of space. One solution to this problem, if you "
+"are using FTP, is to untar the file while it is transferred over FTP. If you "
+"perform your transfer in this manner, you will never have the tar file and "
+"the tar contents on your disk at the same time:"
+msgstr ""
+"Agora que a máquina está na rede, transfira seu arquivo tar. Você pode se "
+"deparar com um pequeno dilema neste ponto - se a sua memória flash tiver por "
+"exemplo 128 megabytes, e seu arquivo tar for maior que 64 megabytes, você "
+"não poderá ter o seu arquivo tar na mídia flash ao mesmo tempo em que "
+"realiza a descompressão - você ficará sem espaço. Uma solução para esse "
+"problema, se você estiver usando FTP, é descompactar o arquivo enquanto ele "
+"é transferido por FTP. Se você realizar sua transferência desta maneira, "
+"você nunca terá o arquivo tar e o conteúdo do tar em seu disco ao mesmo "
+"tempo:"
+
+#. (itstool) path: step/screen
+#: article.translate.xml:373
+#, no-wrap
+msgid "<prompt>ftp&gt;</prompt> <userinput>get tarfile.tar \"| tar xvf -\"</userinput>"
+msgstr "<prompt>ftp&gt;</prompt> <userinput>get tarfile.tar \"| tar xvf -\"</userinput>"
+
+#. (itstool) path: step/para
+#: article.translate.xml:375
+msgid "If your tarfile is gzipped, you can accomplish this as well:"
+msgstr "Se o seu arquivo tar estiver gzipado, você pode fazer isso também:"
+
+#. (itstool) path: step/screen
+#: article.translate.xml:378
+#, no-wrap
+msgid "<prompt>ftp&gt;</prompt> <userinput>get tarfile.tar \"| zcat | tar xvf -\"</userinput>"
+msgstr "<prompt>ftp&gt;</prompt> <userinput>get tarfile.tar \"| zcat | tar xvf -\"</userinput>"
+
+#. (itstool) path: step/para
+#: article.translate.xml:380
+msgid ""
+"After the contents of your tarred filesystem are on your flash memory "
+"filesystem, you can unmount the flash memory and reboot:"
+msgstr ""
+"Depois que o conteúdo do seu sistema de arquivos compactado pelo tar estiver "
+"no sistema de arquivos da sua memória flash, você poderá desmontar a memória "
+"flash e reinicializar:"
+
+#. (itstool) path: step/screen
+#: article.translate.xml:384
+#, no-wrap
+msgid ""
+"<prompt>#</prompt> <userinput>cd /</userinput>\n"
+"<prompt>#</prompt> <userinput>umount /flash</userinput>\n"
+"<prompt>#</prompt> <userinput>exit</userinput>"
+msgstr ""
+"<prompt>#</prompt> <userinput>cd /</userinput>\n"
+"<prompt>#</prompt> <userinput>umount /flash</userinput>\n"
+"<prompt>#</prompt> <userinput>exit</userinput>"
+
+#. (itstool) path: step/para
+#: article.translate.xml:388
+msgid ""
+"Assuming that you configured your filesystem correctly when it was built on "
+"the normal hard disk (with your filesystems mounted read-only, and with the "
+"necessary options compiled into the kernel) you should now be successfully "
+"booting your FreeBSD embedded system."
+msgstr ""
+"Assumindo que você configurou seu sistema de arquivos corretamente quando "
+"ele foi construído no disco rígido normal (com seus sistemas de arquivos "
+"montado como read-only, e com as opções necessárias compiladas no kernel) "
+"você agora deve inicializar com sucesso seu sistema embarcado FreeBSD."
+
+#. (itstool) path: sect1/title
+#: article.translate.xml:398
+msgid "System Strategies for Small and Read Only Environments"
+msgstr "Estratégias do Sistema para Ambientes Pequenos e Somente Leitura"
+
+#. (itstool) path: sect1/para
+#: article.translate.xml:401
+msgid ""
+"In <xref linkend=\"ro-fs\"/>, it was pointed out that the <filename>/var</"
+"filename> filesystem constructed by <filename>/etc/rc.d/var</filename> and "
+"the presence of a read-only root filesystem causes problems with many common "
+"software packages used with FreeBSD. In this article, suggestions for "
+"successfully running cron, syslog, ports installations, and the Apache web "
+"server will be provided."
+msgstr ""
+"Em <xref linkend=\"ro-fs\"/>, foi apontado que o sistema de arquivos "
+"<filename>/var</filename> construído pelo <filename>/etc/rc.d/var</filename> "
+"e a presença de um sistema de arquivos raiz read-only causa problemas com "
+"muitos pacotes de software comuns usados ​​com o FreeBSD. Neste artigo, serão "
+"fornecidas sugestões para a execução bem-sucedida do cron, do syslog, "
+"instalações de ports e do servidor Web Apache."
+
+#. (itstool) path: sect2/title
+#: article.translate.xml:410
+msgid "Cron"
+msgstr "Cron"
+
+#. (itstool) path: sect2/para
+#: article.translate.xml:412
+msgid ""
+"Upon boot, <filename>/var</filename> gets populated by <filename>/etc/rc.d/"
+"var</filename> using the list from <filename>/etc/mtree/BSD.var.dist</"
+"filename>, so the <filename>cron</filename>, <filename>cron/tabs</filename>, "
+"<filename>at</filename>, and a few other standard directories get created."
+msgstr ""
+"Na inicialização, o <filename>/var</filename> é preenchido pelo <filename>/"
+"etc/rc.d/var</filename> usando a lista disponível em <filename>/etc/mtree/"
+"BSD.var.dist</filename>, então o <filename>cron</filename>, o <filename>cron/"
+"tabs</filename>, <filename>at</filename>, e alguns outros diretórios padrões "
+"são criados."
+
+#. (itstool) path: sect2/para
+#: article.translate.xml:419
+msgid ""
+"However, this does not solve the problem of maintaining cron tabs across "
+"reboots. When the system reboots, the <filename>/var</filename> filesystem "
+"that is in memory will disappear and any cron tabs you may have had in it "
+"will also disappear. Therefore, one solution would be to create cron tabs "
+"for the users that need them, mount your <filename>/</filename> filesystem "
+"as read-write and copy those cron tabs to somewhere safe, like <filename>/"
+"etc/tabs</filename>, then add a line to the end of <filename>/etc/rc."
+"initdiskless</filename> that copies those crontabs into <filename>/var/cron/"
+"tabs</filename> after that directory has been created during system "
+"initialization. You may also need to add a line that changes modes and "
+"permissions on the directories you create and the files you copy with "
+"<filename>/etc/rc.initdiskless</filename>."
+msgstr ""
+"No entanto, isso não resolve o problema de manter as crontabs entre nas "
+"reinicializações. Quando o sistema for reinicializado, o sistema de arquivos "
+"<filename>/var</filename> que está na memória desaparecerá e todas as "
+"crontabs que você tenha nele também desaparecerão. Portanto, uma solução "
+"seria criar crontabs para os usuários que precisam delas, montar seu sistema "
+"de arquivos <filename>/</filename> como read-write e copiar estas crontabs "
+"para algum lugar seguro, como <filename>/etc/tabs</filename>, em seguida, "
+"adicione uma linha ao final do <filename>/etc/rc.initdiskless</filename> "
+"que copie estes crontabs para <filename>/var/cron/tabs</filename> depois que "
+"o diretório for criado durante inicialização do sistema. Você também pode "
+"precisar adicionar uma linha que altere modos e permissões nos diretórios "
+"criados e nos arquivos copiados com <filename>/etc/rc.initdiskless</"
+"filename>."
+
+#. (itstool) path: sect2/title
+#: article.translate.xml:437
+msgid "Syslog"
+msgstr "Syslog"
+
+#. (itstool) path: sect2/para
+#: article.translate.xml:439
+msgid ""
+"<filename>syslog.conf</filename> specifies the locations of certain log "
+"files that exist in <filename>/var/log</filename>. These files are not "
+"created by <filename>/etc/rc.d/var</filename> upon system initialization. "
+"Therefore, somewhere in <filename>/etc/rc.d/var</filename>, after the "
+"section that creates the directories in <filename>/var</filename>, you will "
+"need to add something like this:"
+msgstr ""
+"O <filename>syslog.conf</filename> especifica os locais de certos arquivos "
+"de log que existem em <filename>/var/log</filename>. Esses arquivos não são "
+"criados pelo <filename>/etc/rc.d/var</filename> na inicialização do sistema. "
+"Portanto, em algum lugar do <filename>/etc/rc.d/var</filename>, logo após a "
+"seção que cria os diretórios em <filename>/var</filename>, você precisará "
+"adicionar algo como isto:"
+
+#. (itstool) path: sect2/screen
+#: article.translate.xml:448
+#, no-wrap
+msgid ""
+"<prompt>#</prompt> <userinput>touch /var/log/security /var/log/maillog /var/log/cron /var/log/messages</userinput>\n"
+"<prompt>#</prompt> <userinput>chmod 0644 /var/log/*</userinput>"
+msgstr ""
+"<prompt>#</prompt> <userinput>touch /var/log/security /var/log/maillog /var/log/cron /var/log/messages</userinput>\n"
+"<prompt>#</prompt> <userinput>chmod 0644 /var/log/*</userinput>"
+
+#. (itstool) path: sect2/title
+#: article.translate.xml:453
+msgid "Ports Installation"
+msgstr "Instalação de Ports"
+
+#. (itstool) path: sect2/para
+#: article.translate.xml:455
+msgid ""
+"Before discussing the changes necessary to successfully use the ports tree, "
+"a reminder is necessary regarding the read-only nature of your filesystems "
+"on the flash media. Since they are read-only, you will need to temporarily "
+"mount them read-write using the mount syntax shown in <xref linkend=\"ro-fs"
+"\"/>. You should always remount those filesystems read-only when you are "
+"done with any maintenance - unnecessary writes to the flash media could "
+"considerably shorten its lifespan."
+msgstr ""
+"Antes de discutir as alterações necessárias para usar com êxito a árvore de "
+"ports, é necessário um lembrete sobre a natureza read-only dos seus sistemas "
+"de arquivos na mídia flash. Como eles são read-only, você precisará montá-"
+"los temporariamente para read-write usando a sintaxe de montagem mostrada em "
+"<xref linkend=\"ro-fs\"/>. Você sempre deve remontar esses sistemas de "
+"arquivos no modo read-only quando tiver terminado qualquer manutenção - "
+"gravações desnecessárias na mídia flash podem reduzir consideravelmente sua "
+"vida útil."
+
+#. (itstool) path: para/buildtarget
+#: article.translate.xml:466 article.translate.xml:489
+msgid "install"
+msgstr "install"
+
+#. (itstool) path: sect2/para
+#: article.translate.xml:464
+msgid ""
+"To make it possible to enter a ports directory and successfully run "
+"<command>make</command> <_:buildtarget-1/>, we must create a packages "
+"directory on a non-memory filesystem that will keep track of our packages "
+"across reboots. Because it is necessary to mount your filesystems as read-"
+"write for the installation of a package anyway, it is sensible to assume "
+"that an area on the flash media can also be used for package information to "
+"be written to."
+msgstr ""
+"Para tornar possível entrar em um diretório do ports e executar com sucesso "
+"o comando <command>make</command> <_:buildtarget-1/>, devemos criar um "
+"diretório de pacotes em um sistema de arquivos que não esteja localizado na "
+"memória o qual manterá o controle dos nossos pacotes entre as "
+"reinicializações . Como é necessário montar seus sistemas de arquivos como "
+"read-write para a instalação de um pacote, é sensato supor que uma área na "
+"mídia flash também possa ser usada para que as informações do pacote sejam "
+"gravadas."
+
+#. (itstool) path: sect2/para
+#: article.translate.xml:474
+msgid ""
+"First, create a package database directory. This is normally in <filename>/"
+"var/db/pkg</filename>, but we cannot place it there as it will disappear "
+"every time the system is booted."
+msgstr ""
+"Primeiro, crie o diretório do banco de dados de pacotes. Ele fica "
+"normalmente em <filename>/var/db/pkg</filename>, mas não podemos colocá-lo "
+"lá, pois ele irá desaparecer toda vez que o sistema for inicializado."
+
+#. (itstool) path: sect2/screen
+#: article.translate.xml:479
+#, no-wrap
+msgid "<prompt>#</prompt> <userinput>mkdir /etc/pkg</userinput>"
+msgstr "<prompt>#</prompt> <userinput>mkdir /etc/pkg</userinput>"
+
+#. (itstool) path: sect2/para
+#: article.translate.xml:481
+msgid ""
+"Now, add a line to <filename>/etc/rc.d/var</filename> that links the "
+"<filename>/etc/pkg</filename> directory to <filename>/var/db/pkg</filename>. "
+"An example:"
+msgstr ""
+"Agora, adicione uma linha ao arquivo <filename>/etc/rc.d/var</filename> que "
+"vincule o <filename>/etc/pkg</filename> ao <filename>/var/db/pkg</filename>. "
+"Um exemplo:"
+
+#. (itstool) path: sect2/screen
+#: article.translate.xml:485
+#, no-wrap
+msgid "<prompt>#</prompt> <userinput>ln -s /etc/pkg /var/db/pkg</userinput>"
+msgstr "<prompt>#</prompt> <userinput>ln -s /etc/pkg /var/db/pkg</userinput>"
+
+#. (itstool) path: sect2/para
+#: article.translate.xml:487
+msgid ""
+"Now, any time that you mount your filesystems as read-write and install a "
+"package, the <command>make</command> <_:buildtarget-1/> will work, and "
+"package information will be written successfully to <filename>/etc/pkg</"
+"filename> (because the filesystem will, at that time, be mounted read-write) "
+"which will always be available to the operating system as <filename>/var/db/"
+"pkg</filename>."
+msgstr ""
+"Agora, sempre que montar seus sistemas de arquivos como read-write e "
+"instalar um pacote, o <command>make</command> <_:buildtarget-1/> funcionará "
+"e as informações do pacote serão gravadas com êxito em <filename>/etc/pkg</"
+"filename> (porque o sistema de arquivos será, naquele momento, montado como "
+"read-write) que estará sempre disponível para o sistema operacional como "
+"<filename>/var/db/pkg</filename>."
+
+#. (itstool) path: sect2/title
+#: article.translate.xml:498
+msgid "Apache Web Server"
+msgstr "Servidor Web Apache"
+
+#. (itstool) path: note/para
+#: article.translate.xml:501
+msgid ""
+"The steps in this section are only necessary if Apache is set up to write "
+"its pid or log information outside of <filename>/var</filename>. By default, "
+"Apache keeps its pid file in <filename>/var/run/httpd.pid</filename> and its "
+"log files in <filename>/var/log</filename>."
+msgstr ""
+"As etapas nesta seção são necessárias apenas se o Apache estiver configurado "
+"para gravar suas informações de pid ou log fora do <filename>/var</"
+"filename>. Por padrão, o Apache mantém seu arquivo pid em <filename>/var/run/"
+"httpd.pid</filename> e seus arquivos de log em <filename>/var/log</filename>."
+
+#. (itstool) path: sect2/para
+#: article.translate.xml:508
+msgid ""
+"It is now assumed that Apache keeps its log files in a directory "
+"<filename><replaceable>apache_log_dir</replaceable></filename> outside of "
+"<filename>/var</filename>. When this directory lives on a read-only "
+"filesystem, Apache will not be able to save any log files, and may have "
+"problems working. If so, it is necessary to add a new directory to the list "
+"of directories in <filename>/etc/rc.d/var</filename> to create in <filename>/"
+"var</filename>, and to link <filename><replaceable>apache_log_dir</"
+"replaceable></filename> to <filename>/var/log/apache</filename>. It is also "
+"necessary to set permissions and ownership on this new directory."
+msgstr ""
+"Agora é assumido que o Apache mantém seus arquivos de log em um diretório "
+"<filename><replaceable>apache_log_dir</replaceable></filename> fora do "
+"<filename>/var</filename>. Quando esse diretório reside em um sistema de "
+"arquivos read-only, o Apache não poderá salvar nenhum arquivo de log e pode "
+"ter problemas para funcionar. Se assim for, é necessário adicionar um novo "
+"diretório à lista de diretórios em <filename>/etc/rc.d/var</filename> para "
+"criar no <filename>/var</filename> e vincular "
+"<filename><replaceable>apache_log_dir</replaceable></filename> ao <filename>/"
+"var/log/apache</filename>. Também é necessário definir permissões e "
+"propriedade neste novo diretório."
+
+#. (itstool) path: sect2/para
+#: article.translate.xml:521
+msgid ""
+"First, add the directory <literal>log/apache</literal> to the list of "
+"directories to be created in <filename>/etc/rc.d/var</filename>."
+msgstr ""
+"Primeiro, adicione o diretório <literal>log/apache</literal> à lista de "
+"diretórios a serem criados em <filename>/etc/rc.d/var</filename>."
+
+#. (itstool) path: sect2/para
+#: article.translate.xml:525
+msgid ""
+"Second, add these commands to <filename>/etc/rc.d/var</filename> after the "
+"directory creation section:"
+msgstr ""
+"Segundo, adicione estes comandos ao <filename>/etc/rc.d/var</filename> após "
+"a seção de criação do diretório:"
+
+#. (itstool) path: sect2/screen
+#: article.translate.xml:529
+#, no-wrap
+msgid ""
+"<prompt>#</prompt> <userinput>chmod 0774 /var/log/apache</userinput>\n"
+"<prompt>#</prompt> <userinput>chown nobody:nobody /var/log/apache</userinput>"
+msgstr ""
+"<prompt>#</prompt> <userinput>chmod 0774 /var/log/apache</userinput>\n"
+"<prompt>#</prompt> <userinput>chown nobody:nobody /var/log/apache</userinput>"
+
+#. (itstool) path: sect2/para
+#: article.translate.xml:532
+msgid ""
+"Finally, remove the existing <filename><replaceable>apache_log_dir</"
+"replaceable></filename> directory, and replace it with a link:"
+msgstr ""
+"Por fim, remova o diretório <filename><replaceable>apache_log_dir</"
+"replaceable></filename> existente e substitua-o por um link:"
+
+#. (itstool) path: sect2/screen
+#: article.translate.xml:536
+#, no-wrap
+msgid ""
+"<prompt>#</prompt> <userinput>rm -rf <replaceable>apache_log_dir</replaceable></userinput>\n"
+"<prompt>#</prompt> <userinput>ln -s /var/log/apache <replaceable>apache_log_dir</replaceable></userinput>"
+msgstr ""
+"<prompt>#</prompt> <userinput>rm -rf <replaceable>apache_log_dir</replaceable></userinput>\n"
+"<prompt>#</prompt> <userinput>ln -s /var/log/apache <replaceable>apache_log_dir</replaceable></userinput>"